X

Choque elétrico: qual é a característica elétrica que importa para a letalidade?

Bom, sabemos que o que mata é a corrente. Mas acho que a maior parte das pessoas interpreta de maneira errada. As pessoas sempre dizem, não importa a tensão do fio, mas sim a corrente que está passando por ele. Isso não faz sentido para mim. Pelo pouco que entendo de eletricidade, as únicas coisas que importam no choque elétrico, é a tensão do fio e minha resistência. Pra ficar mais claro, farei uma pergunta. Qual seria a corrente que passaria pelo meu corpo, se eu segurasse uma fase da rede de distribuição elétrica na rua, não estando aterrado? A corrente que estivesse passando naquele fio, na hora que eu tocasse nele, teria alguma influência na corrente que passaria por mim?

Respondido por: Prof. Fernando Lang da Silveira - www.if.ufrgs.br/~lang

A grandeza realmente importante é a intensidade da corrrente elétrica que se estabelece no corpo humano. Também é relevante a parte do corpo que está sendo percorrida pela corrente. A  intensidade da corrente que ocorre fora do corpo, por exemplo na fiação onde alguém toca, é irrelevante.

Entretanto a intensidade da corrente no corpo é definida pela diferença de potencial elétrico entre os pontos deste corpo  e a resistência elétrica ao longo do caminho percorrido pela corrente. Este tema foi amplamente tratado,  com contribuições de diversos especialistas, em Intensidade da corrente elétrica perigosa para humanos e Choque elétrico no corpo humano!

Vide também
“Docendo discimus.” (Sêneca)

Acessos entre 27 de maio de 2013 e novembro de 2017: 1573.


Acrescente um Comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *