X

As datas dos solstícios não deveriam marcar o auge do verão e do inverno?

O dia mais longo do ano (solsticio de verao) 21-23 de dezembro para nós, é o momento em que o hemisfério recebe maior insolação. Nao deveria ser num reciocínio bem simplista o auge do verão? já que depois deste momento, a insolacao (duracao dos dias) começa a diminuir? E na relalidade, este momento marca o INICIO e nao o AUGE do verão. Mesmo raciocínio para o solsticio de inverno. Obrigado, Marcos

Respondido por: Prof. Fernando Lang da Silveira - www.if.ufrgs.br/~lang/

Certamente existe uma arbitrariedade em estabelecer o início das estações. As datas para o início das quatro estações foram escolhidas tomando as efemérides solares  dos equinócios e dos solstícios. Decorre que a duração das estações de aproximadamente 90 dias também são arbitrárias.

O gráfico que segue representa a temperatura média mensal em três cidades brasileiras. Ele foi construído a partir de dados colhidos na Wikipédia.

temp_cidades

Conforme se observa no gráfico as temperaturas mais altas  ocorrem cerca de dois meses após a data do solstício de verão. Já as temperaturas mais baixas acontecem nas proximidades do solstício de inverno. Ou seja, não é nos extremos de duração dos dias que ocorrem os auges das temperaturas nas estações.

Interessante também notar que existe uma tendência de que quanto menor é a latitude, menor são as variações de temperatura ao longo do ano. Por exemplo. em Manaus a temperatura média oscila menos de 2 graus célsius ao longo do ano e por lá “verão” e “inverno” estão relacionados à precipitação pluviométrica

“Docendo discimus.” (Sêneca)

Visualizações entre 27 de maio de 2013 e novembro de 2017: 927.


3 comentários em “As datas dos solstícios não deveriam marcar o auge do verão e do inverno?

  1. Gustavo disse:

    Saudações! O texto comenta que as médias de temperatura são mais altas um período depois do solstício. Mas não esclarece o porquê. Porque as médias de temperatura são mais altas após a época de maior insolação, e não durante?
    Obrigado!

  2. Geraldo Santos disse:

    Estava exatamente me fazendo essa pergunta. Escontrei uma explicacao neste site:
    https://www.weather.gov/cle/seasons

    vou reproduzir aqui a traducao do goolge a quem possa interessar:

    A relação entre o comprimento do dia e a temperatura

    Há um atraso entre o dia mais longo do ano e as temperaturas médias mais quentes para a maioria dos locais de média e alta latitude.
    No norte do PA do noroeste / OH, a temperatura máxima diária ocorre quase 3 semanas depois, em meados de julho. Assim como a parte mais quente do dia geralmente ocorre várias horas depois do meio-dia, quando o sol está mais alto no céu, a parte mais quente do verão fica no solstício de verão. Este atraso é devido ao tempo necessário para o solo e a água aquecerem. As temperaturas médias continuam a subir até o sol baixar no céu. Enquanto o efeito é evidente em um gráfico de temperatura diária, é mais prontamente aparente observando as mudanças na temperatura média mensal. Em Cleveland, a média de julho é 3,3 ° C acima de junho, com agosto também mais quente que junho a 2,8 ° C, embora a duração dos dias em agosto seja consideravelmente menor do que a de junho.

Acrescente um Comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *