X

Ainda sobre o uso dos termos voltagem, amperagem, … e o VOLP

Três perguntas para o professor a propósito da postagem Uso do termo “voltagem”:

1. Por que o VOLP – Vocabulário Ortográfico da Língua Portuguesa -, que tem autoridade, manteria as palavras voltagem e amperagem para não serem utilizadas nunca?

2. QUEM é a autoridade que define isso – se alguém quiser mais que achismos pessoais?

3. Como deveria ser redigida a frase “A amperagem da bateria do carro (capacidade de fornecer corrente) é de 70A/h”? Não seria, então, o caso de utilizar o termo certo no contexto adequado?

Grato.

Respondido por: Prof. Fernando Lang da Silveira - www.if.ufrgs.br/~lang/

Dicionários de português ou de qualquer língua referem termos que não são necessariamente aqueles que o “cientifiquês” ou o “fisiquês” na mesma língua considera como os mais apropriados. Os termos voltagem, amperagem, metragem, cubagem, … fazem parte da linguagem natural e portanto um bom dicionário deve registrá-los.

As denominações das grandezas físicas e de suas unidades de medida legais estão dadas pelo INMETRO em Unidades legais.

Sobre a frase “A amperagem da bateria do carro (capacidade de fornecer corrente) é de 70A/h” farei alguns reparos:

Se aceitarmos que amperagem é sinônimo de intensidade da corrente elétrica, a frase está com problemas. A capacidade ou a “carga máxima” da bateria é 70 amperes VEZES hora (não é amperes POR hora). O ampere vezes hora não é unidade de medida de corrente mas de CARGA (1 A.h=3600 coulombs). Assim sendo a frase deveria ser:

A capacidade da bateria é de 70A.h.

Vide também Grafia correta para as unidades de medida.

“Docendo discimus.” (Sêneca)


3 comentários em “Ainda sobre o uso dos termos voltagem, amperagem, … e o VOLP

  1. Felipe Manoel disse:

    Amperagem e voltagem são exemplos clássicos de “neologismo”, palavras que são inseridas no dicionário e passam a fazer parte de nossa língua de tanto usarmos para aquele fim.

  2. Luiz disse:

    E há doutoures em engenharia elétrica que falam assim. Já presenciei o fato.

Deixe uma resposta para Felipe Manoel Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *