X

A informação de que o gelo flutua em água líquida permite concluir como a temperatura de fusão do gelo varia com a pressão exercida?

A informação de que o gelo flutua em água líquida permite concluir como a temperatura de fusão do gelo varia com a pressão sobre ele exercida?

Por favor justifique a resposta.

Pergunta originalmente feita em http://br.answers.yahoo.com/question/

Respondido por: Prof. Fernando Lang da Silveira - www.if.ufrgs.br/~lang/

Permite a conclusão de que AUMENTANDO a pressão BAIXA o ponto de fusão do gelo!

Se o gelo flutua na água líquida então ele é menos denso do que a água líquida e portanto o gelo ao fundir aumenta de densidade. Há uma regra que diz o seguinte: SÓLIDOS QUE AO FUNDIREM DIMINUEM (AUMENTAM) DE DENSIDADE TEM UMA ELEVAÇÃO (ABAIXAMENTO) NO PONTO DE FUSÃO COM A ELEVAÇÃO DA PRESSÃO. Como a água aumenta de densidade ao fundir (gelo flutua na água!!), a elevação da pressão acarreta um abaixamento do ponto de fusão.

Assim sendo, quando pressionamos uma agulha contra um pedaço de gelo, a agulha penetra no gelo consequente de que imediatamente abaixo da ponta da agulha o gelo funde pois a pressão ali é grande, baixando o ponto de fusão do gelo para uma temperatura bem abaixo do que ele efetivamente se encontra. Outra conhecida ilustração desta propriedade é o famoso Experimento de Tyndall”, onde um fio de aço atravessa uma barra de gelo sem a cortar conforme pode ser visto em http://www.youtube.com/watch?v=Q-ZbtYlEIwU .

A maioria dos metais ao fundirem tem comportamento contrário ao da água,isto é, DIMINUEM de densidade ao fundirem. O antimônio, bismuto e gálio tem comportamento análogo ao da água, entretanto sem sofrer tanta variação em densidade quanto a água. O volume da água ao solidificar cresce cerca de 8%, enquanto o volume do gálio e do bismuto menos de 4% e do antimônio menos de 1%.

Vide mais sobre este comportamento da água em Propriedades da água

Outras questões do CREF sobre água e as suas propriedades:

“Docendo discimus.” (Sêneca)

Visualizações entre 27 de maio de 2013 e novembro de 2017: 4567.


Acrescente um Comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *