PERFIL METACOGNITIVO (PARTE II): APLICAÇÃO DE INSTRUMENTO DE ANÁLISE

Nancy Nazareth Gatzke Corrêa, Marinez Meneghello Passos, Sérgio de Mello Arruda

Resumo


Neste artigo apresentamos os resultados de uma investigação que procurou caracterizar o aprendizado em Física de estudantes do Ensino Médio, por meio das percepções e das reflexões que compõem o processo metacognitivo do grupo estudado. A coleta de dados foi realizada por meio de uma entrevista coletiva que depois de transcrita foi submetida aos procedimentos da Análise Textual Discursiva. Os relatos dos sete estudantes que formaram o grupo foram classificados em quinze categorias emergentes, as quais permitiram evidenciar o perfil metacognitivo de cada um deles. Por meio dos relatos foi possível verificar que os estudantes do grupo entrevistado possuem uma percepção singular de como se relacionam com o processo do aprender e sobre as estratégias que utilizam para que o processo se efetive, demonstrando clareza no reconhecimento do aprendizado de Física e das formas individuais utilizadas para efetivá-lo.


Palavras-chave


Ensino de Física; Metacognição; Análise Textual Discursiva; Perfil metacognitivo

Texto completo:

PDF

Referências


Baker, E. (2010). Metacognition. In Peterson, P., Baker, E., & McGaw, B. (Eds.). International Encyclopedia of Education (pp.204-210) (3a ed). Oxford: Elsevier.

Brown, A. L. (1977). Theories of memory and the problems of development: activity, growth, and knowledge. Cambridge: Bolt Beranek and Newman.

Brown, A. L., Bransford, J. D., Ferrara, R., & Campione, J. (1982). Learning, remembering and understanding. Belmont: Wadsworth Pub Co.

Brown, A. L., & Smiley, S. S. (1978). The development of strategies for studying texts. Child Development, p.1076-1088.

Corrêa, N. N. G. (2017). Percepções e reflexões de estudantes de Ensino Médio no processo metacognitivo da aprendizagem em Física. (Dissertação de Mestrado, Universidade Estadual de Londrina), Londrina. Recuperado de http://www.bibliotecadigital.uel.br/document/?code=vtls000211450

Ertmer, P. A., & Newby, T. J. (1996). The expert learner: strategic, self-regulated, and reflective. Instructional Science, 24(1), 1-24. DOI:10.1007/BF00156001

Flavell, J. H. (1971). First discussant’s comments: what is memory development the development of? Human Development, 14(4), 272-278. DOI:10.1159/000271221

Flavell, J. H. (1976). Metacognitive aspects of problem solving. In Resnick, L. B. (Ed.). The nature of intelligence (pp.231-236). Hillsdale, New Jersey: Lawrence Erlbaum Associates.

Flavell, J. H. (1979). Metacognition and cognitive monitoring: a new area of cognitive-developmental inquiry. American psychologist, 34(10), 906-911. DOI:10.1037%2F0003-066X.34.10.906

Flavell, J. H. (1987). Speculations about the nature and development of metacognition. In Weinert, F., & Kluwe, R. (Eds.). Metacognition, motivation, and understanding (pp.21-29). New Jersey: Lawrence Erlbaum Associates.

Flavell, J. H., & Wellman, H. M. (1977). Metamemory. Recuperado de https://files.eric.ed.gov/fulltext/ED115405.pdf

Flick, U. (2009). Introdução à pesquisa qualitativa. (3a ed.). Porto Alegre: Editora Artmed.

Moraes, R., & Galiazzi, M. C. (2011). Análise textual discursiva. Ijuí: Unijuí.

Passos, M. M., Corrêa N. N. G., Arruda, S. de M. (2017). Perfil Metacognitivo (Parte I): Uma proposta de instrumento de análise. Investigação em Ensino de Ciências, 22(3), 176-191. DOI:10.22600/1518-8795.ienci2017v22n3p176

Rosa, C. T. W. (2014). Metacognição no ensino de Física: da concepção à aplicação. Passo Fundo: UPF Editora.

Schraw, G., & Moshman, D. (1995). Metacognitive theories. Educational Psychology Review, 7(4), 351-371. DOI:10.1007/BF02212307

Szymanski, H., Almeida, L. R., & Prandini, R. C. A. R. (2008). A entrevista da pesquisa em educação: a prática reflexiva. Brasília: Liber Livro Editora.




DOI: http://dx.doi.org/10.22600/1518-8795.ienci2018v23n1p230

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.

Revista Investigações em Ensino de Ciências (IENCI) - ISSN: 1518-8795 

Creative Commons License