A ANÁLISE TEXTUAL DISCURSIVA NA INVESTIGAÇÃO DO TEMA GERADOR: POR ONDE E COMO COMEÇAR?

Júlio César Lemos Milli, Ana Paula Solino, Simoni Tormohlen Gehlen

Resumo


Algumas pesquisas em Educação em Ciências têm relacionado a Análise Textual Discursiva (ATD) às etapas do processo de Investigação Temática para obtenção e desenvolvimento de Temas Geradores.  Porém, ainda é preciso analisar de forma sistemática contribuições da ATD no contexto de cada etapa do processo de Investigação Temática. Para tal, investigam-se relações teórico-metodológicas entre a ATD e o Levantamento Preliminar – primeira etapa da Investigação Temática – em razão da complexidade desta etapa na obtenção de informações da comunidade investigada. Nesse estudo, tais relações deram origem à categoria “Análise Preliminar da Realidade”, a qual foi estruturada em quatro subcategorias: a) a delimitação do corpus vivo; b) a cisão da realidade; c) as relações entre as problemáticas sociais; d) a emergência das possíveis situações-limite. Essas subcategorias serviram de aporte teórico-metodológico para o desenvolvimento e análise do Levantamento Preliminar realizado no município de Santa Luzia/BA, durante um processo formativo de educadores de ciências. Assim, aponta-se para a contribuição dessas relações, configuradas como “parâmetros analíticos”, para auxiliar investigadores na identificação de situações-limite desde o início da investigação de um Tema Gerador. No contexto da Educação em Ciências, esses parâmetros podem contribuir para a reconfiguração curricular, uma vez que as ações desenvolvidas na primeira etapa da investigação implicam diretamente nas etapas subsequentes. Com isso, tais parâmetros trazem à tona a realidade dos sujeitos de forma mais evidente, de modo que os conteúdos programáticos a serem trabalhados em sala de aula terão um real sentido e significado para os educandos.

Palavras-chave


Levantamento Preliminar; Ensino de Ciências; Perspectiva Freireana; Investigação Temática; Formação de Professores; Análise Textual Discursiva

Texto completo:

PDF

Referências


Auler, D., & Delizoicov, D. (2015). Investigação de temas CTS no contexto do pensamento latino-americano. Linhas Críticas, Brasília, 21(45), 275-296. Recuperado de http://periodicos.unb.br/index.php/linhascriticas/article/view/16728/11874

Brasil (1994). Interdisciplinaridade no Município de São Paulo. Série Inovações Educacionais. Brasília: INEP/MEC.

Centa, F. G., & Muenchen, C. (2016). O Despertar para uma Cultura de Participação no Trabalho com um Tema Gerador. Alexandria - Revista de Educação em Ciência e Tecnologia, 9(1), 263-291. DOI:10.5007/1982-5153.2016v9n1p263

Delizoicov, D., Angotti, J. A., & Pernambuco, M. M. (2011). Ensino de Ciências: Fundamentos e Métodos (4a ed.). São Paulo: Cortez.

Delizoicov, D. (1991). Conhecimento, tensões e transições. (Tese de Doutorado, USP), São Paulo. Recuperado de https://repositorio.ufsc.br/bitstream/handle/123456789/75757/82794.pdf

Delizoicov, D. (1982). Concepção Problematizadora do Ensino de Ciências na Educação Formal. (Dissertação de Mestrado, USP), São Paulo.

Fonseca, K. N. (2017). Investigação Temática e a Formação Social do Espaço: construção de uma proposta com professores dos anos iniciais. (Dissertação de Mestrado, UESC), Ilhéus. Recuperado de sbemrs.org/revista/index.php/2011_1/article/download/79/85

Fonseca, K. N. Silva, E. N., Neres, C. A., Barbosa, L. S. Milli, J. C. L., Gehlen, S. T. (2015). Tema Gerador em Pesquisas em Educação em Ciências. In Anais do X Encontro Nacional de Pesquisa em Educação em Ciências, Águas de Lindoia, SP. Recuperado de http://www.abrapecnet.org.br/enpec/x-enpec/anais2015/resumos/R2025-1.PDF

Furlan, A. B. S., Ricci, E. C., Gomes, C. G. S., & Silva, A. F. G. (2011). Abordagem Temática no Currículo de Ciências: a perspectiva ético-crítica na concepção de lixo como condição humana. In Atas do VIII Encontro Nacional de Pesquisa em Educação em Ciências, Campinas, SP. Recuperado de http://www.nutes.ufrj.br/abrapec/viiienpec/resumos/R0412-1.pdf

Freire, P. (1987). Pedagogia do oprimido (17a ed.) Rio de Janeiro: Paz e Terra.

Gehlen, S. T. (2009). A função do problema no processo ensino-aprendizagem de ciências: contribuições de Freire e Vygotsky. (Tese de Doutorado, UFSC), Florianópolis. Recuperado de https://repositorio.ufsc.br/handle/123456789/92543

Halmenschlager, K. R. (2014). Abordagem de temas em Ciências da Natureza no Ensino Médio: implicações na prática e na formação docente. (Tese de Doutorado, UFSC), Florianópolis. Recuperado de cursos.unipampa.edu.br/cursos/ppge/files/2010/11/Tese_KarineHalmenschlager.pdf

Lambach, M. (2013). Formação Permanente de Professores de Química da EJA na Perspectiva Dialógico-Problematizadora Freireana. (Tese de Doutorado, UFSC), Florianópolis. Recuperado de https://repositorio.ufsc.br/handle/123456789/122825

Lindemann, R. H. (2010). Ensino de Química em escolas do campo com proposta agroecológica: contribuições a partir da perspectiva freireana de educação. (Tese de Doutorado, UFSC), Florianópolis. Recuperado de https://repositorio.ufsc.br/handle/123456789/94552

Magalhães, R. S. (2015). Abordagem Temática Freireana na formação de professores de ciências sob a ótica da Teoria da Atividade. (Dissertação de Mestrado, UESB), Jequié. Recuperado de http://www2.uesb.br/ppg/ppgecfp/wp-content/uploads/2017/03/Roger_Magalhaes_2015.pdf

Magalhães, R. S., Solino, A. P., Sousa, P. S., Fonseca, K. N., Novais, E. S. P., Gehlen, S. T. (2016). Situações-limite na Formação de Professores de ciências na perspectiva freireana: da percepção da realidade à dimensão pedagógica. Investigações em Ensino de Ciências, 21(3), 127-151. Recuperado de https://www.if.ufrgs.br/cref/ojs/index.php/ienci/article/view/671/447

Milli, J. C. L. (2016). Análise Textual Discursiva: um caminho na investigação do Tema Gerador para o Ensino de Ciências/Física. (Trabalho de conclusão de curso, UESC), Ilhéus.

Milli, J. C. L. & Gehlen, S. T. (2017). A definição do Corpus no Levantamento Preliminar: potencialidades para o Ensino de Ciências. In Anais do XI Encontro Nacional de Pesquisa em Educação em Ciências, Florianópolis, SC. Recuperado de www.abrapecnet.org.br/enpec/xi-enpec/anais/resumos/R1256-1.pdf

Moraes, R. (2003). Uma tempestade de luz: a compreensão possibilitada pela Análise Textual Discursiva. Ciência & Educação. 9(2), 191-210. Recuperado de http://www.scielo.br/pdf/ciedu/v9n2/04.pdf

Moraes, R., & Galiazzi, M. C. (2007). Análise Textual Discursiva. Ijuí: UNIJUÍ.

Moraes, R., & Galiazzi, M. C. (2011). Análise Textual Discursiva. (2a ed.) Ijuí: UNIJUÍ.

Moraes, R., & Galiazzi, M. C. (2006). Análise Textual Discursiva: processo de reconstrutivo de múltiplas faces. Ciência & Educação. 12(1), 117-128. Recuperado de http://www.scielo.br/pdf/ciedu/v12n1/08.pdf

Montalvão Neto, A. L., & Torres, J. R. (2014). Perspectiva de Ensino Crítico em Ciências: uma experiência docente a partir da Abordagem Temática Freireana. Revista de Ensino de Biologia da Associação Brasileira de Ensino de Biologia (SBEnBio), (7), 122-134. Recuperado de http://www.sbenbio.org.br/wordpress/wp-content/uploads/2014/11/R0963-1.pdf

Muenchen, C., & Delizoicov, D. (2012). A construção de um processo didático-pedagógico dialógico: aspectos epistemológicos. Revista Ensaio. 14(3), 199-215. Recuperado de http://www.scielo.br/pdf/epec/v14n3/1983-2117-epec-14-03-00199.pdf

Pernambuco, M. M. (1983). Projeto ensino de ciências a partir de problemas da comunidade: uma experiência no Rio Grande do Norte. Natal: UFRN, Brasília: CAPES/MEC/SPEC.

Pontuschka, N. (1993). Ousadia no diálogo - Interdisciplinaridade na escola pública. São Paulo: Edições Loyola.

Porlán, R. & Martín, J. (1997). El diario del profesor: un recurso para la investigación la aula. Sevilla: Díada.

Rehder, S. O. (Ed.). (2008) Guia Costa do Cacau. Porto Seguro, BA: Porto card.

Roso, C. C., & Auler, D. (2016). A Participação na Construção do Currículo: Práticas Educativas vinculadas ao Movimento CTS. Ciências & Educação, Bauru, 22(2), 371-389. DOI:10.1590/1516-731320160020007

São Paulo. (1990). Secretaria Municipal de Educação. Estudo preliminar da realidade local: resgatando o cotidiano. In Cadernos de Formação 2. Série: Ação pedagógica na escola pela via da interdisciplinaridade. São Paulo: DOT/SME-SP.

Silva, A. F. G. (2004). A construção do currículo na perspectiva popular crítica: das falas significativas às práticas contextualizadas. (Tese de Doutorado, Pontifícia Universidade Católica de São Paulo), São Paulo. Recuperado de http://websmed.portoalegre.rs.gov.br/escolas/quintana/tese_gouvea.pdf

Silva, D. C. (2003). Jacarandá – vida e morte de um povoado. In Teixeira, M. G. (Org.) O imaginário das grutas (pp. 29-46). Ilhéus: Editus.

Severino, A. J. (2007). Filosofia (2a ed.). São Paulo: Cortez.

Solino, A. P. B. (2017). Potenciais Problemas Significadores em aulas investigativas: contribuições da perspectiva histórico-cultural. (Tese de Doutorado, USP), São Paulo. Recuperado de www.teses.usp.br/teses/disponiveis/48/48134/tde-14072017-171353/pt-br.php

Sousa, R. S., Galiazzi, M. C., & Schmidt, E. B. (2016). Interpretações fenomenológicas e hermenêuticas a partir da Análise Textual Discursiva: a compreensão em pesquisas na Educação em Ciências. Revista Pesquisa Qualitativa. São Paulo – SP, 4(6), 311-333. Recuperado de http://rpq.revista.sepq.org.br/index.php/rpq/article/view/39/44

Sousa, P. S., Solino, A. P., Figueiredo, P. S., & Gehlen, S. T. (2014). Investigação Temática no Contexto do Ensino de Ciências: Relações entre a Abordagem Temática Freireana e a Práxis Curricular via Tema Gerador. Alexandria - Revista de Educação em Ciência e Tecnologia, 7(2), 155-177. Recuperado de https://periodicos.ufsc.br/index.php/alexandria/article/view/38222

Stuani, G. M. (2016). Abordagem Temática Freireana: uma concepção de formação permanente dos professores de Ciências. (Tese de Doutorado, UFSC), Florianópolis. Recuperado de https://repositorio.ufsc.br/xmlui/handle/123456789/171696

Torres, J. R., Gehlen, S. T., Muenchen, C., Gonçalves, F.P, Lindemann, R. H., & Gonçalves, F.J. F. (2008). Ressignificação curricular: contribuições da Investigação Temática e da Análise Textual Discursiva. Revista Brasileira de Pesquisa em Ensino de Ciências, 8(2). Recuperado de http://www.cienciamao.usp.br/dados/rab/_resignificacaocurricular.artigocompleto.pdf

Torres, J. R. (2010). Educação Ambiental Crítico-Transformadora e Abordagem Temática Freireana. (Tese de Doutorado, UFSC), Florianópolis. Recuperado de https://repositorio.ufsc.br/handle/123456789/93568




DOI: http://dx.doi.org/10.22600/1518-8795.ienci2018v23n1p200

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.

Revista Investigações em Ensino de Ciências (IENCI) - ISSN: 1518-8795 

Creative Commons License