DIFERENTES OLHARES ACERCA DA TRANSPOSIÇÃO DIDÁTICA

Késia Caroline Ramires Neves, Rui Marcos de Oliveira Barros

Resumo


O presente artigo trata do conceito de transposição didática, tomando como referência a obra de Yves Chevallard, La transposición didáctica: del saber sabio al saber enseñado (2005). Comparamos as abordagens constantes em vários trabalhos, entre teses, dissertações e artigos, e discutimos os múltiplos olhares acerca do processo de transposição didática. Elas mostram que não estão bem definidas as conceituações apresentadas, dando margem a dubiedade e discussões. Algumas diferenças advêm das particulares áreas de conhecimento dos autores, distintas da matemática, outras são inerentes à sedimentação das ideias constantes em Chevallard (2005), obra que serviu de referência bibliográfica para a maioria dos trabalhos estudados.

Palavras-chave


transposição didática; transposição didática interna; transposição didática externa.

Texto completo:

PDF


Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.

Revista Investigações em Ensino de Ciências (IENCI) - ISSN: 1518-8795 

Creative Commons License