MULTIMODOS E MÚLTIPLAS REPRESENTAÇÕES: FUNDAMENTOS E PERSPECTIVAS SEMIÓTICAS PARA A APRENDIZAGEM DE CONCEITOS CIENTÍFICOS

Carlos Eduardo Laburú, Osmar Henrique Moura da Silva

Resumo


A natureza do conhecimento científico está necessariamente vinculada a um tipo particular de linguagem que emprega uma variedade de representações e utiliza diversos modos discursivos para comunicá-las. Compreender esse conhecimento envolve dar significação a essas representações. Por essa perspectiva, este trabalho destaca alguns conceitos teóricos da ciência semiológica com a finalidade de realizar uma reflexão a respeito das dificuldades de estudantes com as representações científicas. As reflexões que se encaminharão estão balizadas em recentes pesquisas que vem tomando parte em estudos da educação matemática e científica, sendo que porção substancial do tema a ser tratado tem sido foco privilegiado de investigações da primeira área de estudo. Com esse procedimento, temos a intenção, primeiramente, de transpor reflexões teóricas relevantes dessa área para a educação científica, confiando estar contribuindo com o refinamento conceitual desta última, na medida em que o referencial analítico que subsidia a educação matemática se mostra capaz de fornecer um panorama teórico igualmente válido para o aprimoramento da educação científica. Deste modo, procuramos confluir conhecimentos que vem ocorrendo de maneira praticamente independente entre duas áreas de conhecimento, possibilitando um enriquecimento intelectual Num segundo momento, reunimos trabalhos de uma ainda incipiente área de pesquisa em educação científica que investiga as influências pedagógicas que a multimodalidade representacional e múltiplas representações têm na construção dos significados científicos. Além de procurar mostrar uma continuidade direta com o tema anterior, tentamos estabelecer relações com outros conceitos e teorias da literatura em educação científica. Todavia, a essência do trabalho está em atentar para a questão semiótica como campo promissor de estudo para entender a natureza das dificuldades de aprendizagem das representações científicas, permitindo com seus conceitos teóricos trazer nova luz aos problemas dos aprendizes com a compreensão dessas representações, assim como ser um ponto de inspiração para a elaboração de novas ferramentas pedagógicas para tentar enfrentá-los.

Palavras-chave


educação científica; semiótica; perspectivas de investigações

Texto completo:

PDF


Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.

Revista Investigações em Ensino de Ciências (IENCI) - ISSN: 1518-8795 

Creative Commons License