A CONTEXTUALIZAÇÃO NO ENSINO DE CIÊNCIAS: A VOZ DE ELABORADORES DE TEXTOS TEÓRICOS E METODOLÓGICOS DO EXAME NACIONAL DO ENSINO MÉDIO

Carolina dos Santos Fernandes, Carlos Alberto Marques

Resumo


Este trabalho tem como objetivo analisar as compreensões acerca da noção de contextualização no ensino de Ciências implícitas em questões do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de acordo com elaboradores de textos teóricos e metodológicos de tal exame, com a intenção de sinalizar subsídios para práticas docentes, reflexões pedagógicas e curriculares no ensino de Ciências e em processos avaliativos. Para tanto, realizaram-se (5) entrevistas semi-estruturadas com elaboradores dos textos teóricos e metodológicos do Enem ligados à área de Ciências da Natureza e Matemática acerca do tema. A análise das entrevistas foi orientada pelos pressupostos da Análise Textual Discursiva. A partir dessa análise aponta-se a necessidade de transcender visões que reduzem o contexto a um pretexto de abordagens puramente conceituais e ideias que limitam o contexto apenas a aspectos da localidade dos estudantes. Do mesmo modo, emergem possibilidades de abordagem contextualizada ligadas à exploração de perspectivas históricas e à abordagem de multiplicidades de contextos.

Palavras-chave


Enem; contextualização; ensino de ciências

Texto completo:

PDF


Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.

Revista Investigações em Ensino de Ciências (IENCI) - ISSN: 1518-8795 

Creative Commons License