ENSINO DE REAÇÕES QUÍMICAS EM LABORATÓRIO: ARTICULANDO TEORIA E PRÁTICA NA FORMAÇÃO E AÇÃO DOCENTE

Cleonice Puggian, Zenildo Filho Buarque de Morais, Cristiane Vieira Nunes Barbosa Lopes

Resumo


Este trabalho apresenta os resultados de uma investigação sobre o ensino de Química em laboratório, relatando as potencialidades de uma proposta metodológica que articula teoria e prática em atividades sobre reações químicas. Tal proposta explora conteúdos do currículo de química do ensino médio, subjacentes ao ensino das reações químicas, buscando o estabelecimento de inter-relações entre os saberes teóricos e práticos inerentes aos processos do conhecimento escolar em Química e desafiando o professor a pensar a atividade experimental não como um momento isolado da sala de aula, mas como parte integrante dela. A metodologia utilizada foi de natureza qualitativa, tendo como instrumentos para coleta de dados entrevistas semiestruturadas. A pesquisa foi realizada com oito professores de Química e setenta alunos da segunda série do Ensino Médio  de uma escola técnica estadual do Rio de Janeiro. Os resultados deste trabalho indicam que este tipo de abordagem configura-se como uma alternativa à condução de atividades experimentais em laboratório, contribuindo para uma visão mais formativa e informativa, menos tecnicista e fragmentada  do ensino de Química na Educação Básica. A investigação também revela que este tipo de abordagem apóia os docentes na reflexão sobre a prática pedagógica e na execução e planejamento de atividades experimentais. Conclui-se que propostas pedagógicas que articulam teoria e prática são mais efetivas na promoção da aprendizagem dos alunos do Ensino Médio.

Palavras-chave


ensino de Química; experimentação; reações químicas

Texto completo:

PDF


Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.

Revista Investigações em Ensino de Ciências (IENCI) - ISSN: 1518-8795 

Creative Commons License