LIVROS DE CIÊNCIAS PARA AS SÉRIES INICIAIS DO ENSINO FUNDAMENTAL: A EDUCAÇÃO EM QUÍMICA E AS INFLUÊNCIAS DO PNLD

Rafael Cava Mori, Antonio Aprigio da Silva Curvelo

Resumo


Este trabalho analisa experimentos que envolvem transformações químicas propostos em livros didáticos de Ciências de 1ª a 4ª séries do ensino fundamental. Os livros escolhidos foram as 37 coleções avaliadas no Programa Nacional do Livro Didático (PNLD/2007), em uso nas escolas entre 2007 e 2010. A análise revelou a presença de 403 propostas de atividades, que foram então classificadas quanto ao grau de participação exigido dos estudantes e quanto a suas contribuições para um ensino elementar de Química. Os resultados apontam uma presença reduzida de atividades que exigem dos estudantes mais do que a montagem dos instrumentos, as observações/coletas de dados e a apresentação de conclusões. A maioria dos livros também não integra estas atividades a um ensino elementar de Química, não se aprofundando nas especificidades desta ciência com o progresso pelas quatro séries. Apesar disso, as coleções aprovadas no PNLD/2007 (12 das 37) obtiveram melhor desempenho nos dois aspectos aqui estudados. Considerando que este programa oficial de livros didáticos possui limitações, reforçamos a necessidade de um uso crítico destes materiais por parte dos docentes, em sala de aula.

Palavras-chave


PNLD; experimentação no ensino de Química; ensino fundamental

Texto completo:

PDF


Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.

Revista Investigações em Ensino de Ciências (IENCI) - ISSN: 1518-8795 

Creative Commons License