Políticas Editoriais

Foco e Escopo

A Investigações em Ensino de Ciências (IENCI) é uma revista internacional de publicação quadrimestral, indexada, voltada exclusivamente para a pesquisa na área de ensino/aprendizagem de ciências (Física, Química, Biologia ou Ciências Naturais, quando enfocadas de maneira integrada).

Este periódico tem como objetivo principal a divulgação aberta de trabalhos relevantes e originais em pesquisa em ensino de Ciências para a comunidade internacional de pesquisadores, em especial, da América Latina e península Ibérica.

Atualmente, a IENCI está presente nos seguintes indexadores/bases de dados: DOAJ, EBSCO, LATINDEX, LivRe, Portal de Periódicos CAPES e IRESIE. O índice h5 do Google Scholar atual (2019) é igual a 9.

Somente serão aceitos para publicação artigos de:

1) investigação (i.e., com questão de pesquisa bem definida, com fundamentação teórica/metodológica e referências a estudos relacionados);

2) revisão da literatura em, uma certa área de pesquisa em ensino/aprendizagem de ciências, em um período de tempo não inferior a dez anos, abrangendo os principais periódicos da área em nível nacional e internacional;

3) fundamentação teórica com implicações claras para a investigação em ensino de ciências, envolvendo referenciais ainda não amplamente difundidos na área;

4) metodologia da pesquisa educacional com relevância direta para a investigação em ensino de ciências;

5) crítica (ou defesa) e comentários sobre artigos publicados na própria revista. 

Relatos de experiências, propostas didáticas não associadas a pesquisas, e artigos somente de levantamento de opiniões, de concepções ou de dados numéricos (sejam obtidos em questionários, entrevistas ou publicações) não serão considerados para arbitragem.

São considerados para arbitragem artigos de qualquer orientação teórica e metodológica, enfocando qualquer aspecto do ensino/aprendizagem de ciências, com o entendimento de que são originais e que não estão sendo submetidos à publicação em outras revistas. São apreciados trabalhos em português, espanhol ou inglês. 

A IENCI é uma revista de acesso aberto (Open Access), sem que haja a necessidade de pagamento de taxas, seja para submissão ou processamento dos artigos. A revista adota a definição da Budapest Open Access Initiative (BOAI), ou seja, os usuários possuem o direito de ler, baixar, copiar, distribuir, imprimir, buscar e fazer links diretos para os textos completos dos artigos nela publicados.

Ao final do processo de revisão e editoração, cada artigo aceito é publicado individualmente na edição atual (aquele com publicações em aberto), passando a constar no sumário.

Todos os artigos são publicados em formato PDF com a licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional. Os autores mantém os direitos autorais sobre suas produções, devendo ser contatados diretamente se houver interesse em uso comercial dos trabalhos.

Creative Commons License

 

Políticas de Seção

 

Processo de Avaliação pelos Pares

Todos os artigos que passam pelo filtro editorial de entrada são arbitrados às cegas por pelo menos dois pesquisadores em ensino de ciências e, por sua vez, as identidades deles também não são reveladas aos autores (Double-Blind Peer Review).

O tempo médio para passagem pelo filtro editorial é de quatro semanas.

Sobre o processo de revisão

  1. Se o artigo submetido cumprir com todos os requisitos formais, os editores farão uma avaliação inicial. Caso considerem que o artigo não é adequado ao perfil da revista ou que não têm qualidade mínima requerida, poderão rejeitá-lo sem enviá-lo a outros avaliadores.
  2. Se o artigo não cumprir com os requisitos formais, os editores se reservam o direito de rejeitar o artigo.
  3. Os artigos que passem por esse primeiro filtro serão enviados a dois árbitros externos, pesquisadores em Ensino de Ciências.
  4. Caso os árbitros apresentem pareceres discordantes, ou se por algum outro motivo os editores considerarem necessário, o artigo será enviado a um terceiro árbitro.
  5. A partir dos pareceres, os editores poderão decidir:
  • Aceitar o artigo submetido: como está ou com ligeiras modificações;
  • Publicar com modificações: a contar da data de envio dos pareceres pela editoria, o autor disporá de até 30 dias para atender e comentar as reformulações sugeridas pelos árbitros e/ou editores, especificando detalhadamente como cada sugestão foi ou não implementada. Estas modificações devem se restringir àquelas feitas pelos árbitros e/ou editores. Em situações que, sem justificativa, o autor demore mais que o prazo máximo para reformulação, o artigo será automaticamente rejeitado. Os editores se reservam o direito de não publicar o trabalho se as reformulações não atenderem às exigências, sem justificativas convincentes.
  • Rejeitar: o trabalho não será publicado na IENCI.
  • Ressubmeter para avaliação: o trabalho poderá ser reenviado para nova apreciação, reiniciando o processo de submissão na revista.
  1. A revisão final do artigo ficará a cargo dos autores. O periódico não se responsabiliza pela revisão gramatical dos trabalhos.
  2. Antes da publicação, poderá ser enviada cópia da versão final para que os autores confiram dentro de um prazo de uma semana.

 

Periodicidade

IENCI é um periógico de publicação quadrimestral (Abril, Agosto, Dezembro) no qual cada artigo depois de aceito é publicado individualmente na edição atual (aquele com publicações em aberto), passando a constar no sumário da edição.

 

Política de Acesso Livre

Esta revista oferece acesso livre imediato ao seu conteúdo, seguindo o princípio de que disponibilizar gratuitamente o conhecimento científico ao público proporciona maior democratização mundial do conhecimento.

 

Arquivamento

Esta revista utiliza o sistema LOCKSS para criar um sistema de arquivo distribuído entre as bibliotecas participantes e permite às mesmas criar arquivos permanentes da revista para a preservação e restauração. Saiba mais...

Manifesto de Publicação da IENCI no LOCKSS

 

Ética e Casos de má conduta

A política relacionada ao comportamento ético e os procedimentos para lidar com casos de má conduta no escopo da IENCI estão principalmente baseados no código de conduta do COPE (Committee on Publication Ethics - Code of Conduct).

 

Responsabilidades do comitê editorial

* Avaliar os manuscritos com base no mérito acadêmico, exclusivamente. O comitê tem completa responsabilidade e autoridade para rejeitar/aceitar um artigo, sempre encorajando o debate, a integridade acadêmica e a proteção dos dados individuais. Tem também o dever de agir se houver qualquer suspeita de má conduta e garantir a integridade dos registros acadêmicos. Quando erros forem encontrados em trabalhos publicados no periódico, o comitê deve tomar medidas cabíveis para corrigir e retratar os artigos, podendo até mesmo retirar de circulação um trabalho já publicado.

* Sempre avaliar os manuscritos pelo conteúdo intelectual apresentado, sem considerar raça, gênero, orientação sexual, crenças religiosas, origem étnica, nacionalidade ou orientações políticas dos autores.

* Não revelar informações sobre a identidade dos autores para outras pessoas que não os próprios autores declarados nos trabalhos. Também preservar o anonimato dos(as) pareceristas. O processo de revisão (double-blind review) dos trabalhos é descrito aqui aqui.

 

 Responsabilidade dos autores

* Manter registros acurados dos dados relativos aos manuscritos submetidos e fornecer acesso a esses dados frente a requisições razoáveis;

* Assegurar que os trabalhos escritos são completamente originais e se foram suados trabalhos/palavras de outros, as devidas referências foram feitas. Plágio em todas as suas formas constituem comportamento antiético e é inaceitável. Os créditos aos trabalhos alheios sempre devem ser apresentados. Os autores devem citar publicações que tenham influenciado o trabalho submetido.

* Assegurar que o trabalho submetido seja original e não tenha sido publicado em outros lugares em qualquer língua. Publicações prévias, próprias ou de outros, devem ser propriamente creditadas e referenciadas. Fontes primárias devem sempre ser citadas, quando possível.  Traduções e adaptações para diferentes audiências devem ser claramente identificadas como tais, dando crédito às fontes originais, sempre respeitando as políticas de direitos autorais e copyright

* Não submeter artigos descrevendo os mesmos resultados de pesquisa em mais de um periódico ou publicação principal.  Submeter o mesmo artigo para mais de um periódico, concomitantemente, constitui-se em um comportamento antiético e inaceitável.

* Limitar a autoria dos trabalhos a pessoas que tenham realmente realizado uma contribuição significativa para a concepção, delineamento, execução ou interpretação dos estudos reportados. Todos aqueles que fizeram contribuições significativas devem ser listados como coautores.

* Revelar no manuscrito qualquer conflito substantivo, financeiro ou de outra natureza, que possam ter influenciados os resultados ou a interpretação deles. Todas as fontes de suporte financeiro devem ser reveladas, incluindo bolsas e auxílios.

* O autor correspondente, em conexão com os demais coautores, deve participar do processo de revisão do artigo, frente a comentários, críticas e sugestões feitas pelos revisores ao trabalho. As sugestões de alteração não contempladas na versão revisado do artigo pelos autores deve ser justificada em detalhe.

 * Se um autor descobrir um erro significativo ou falta de precisão em seu trabalho deve comunicar prontamente ao comitê editorial e colaborar com os editores na retratação ou correção do artigo.

 * Se o comitê editorial souber através de terceiros que um trabalho publicado contém um erro significativo, é obrigação dos autores colaborar com os editores na retratação ou correção do artigo, ou ainda apresentar argumentação adicional que contraponha o que foi apontado como erro.

Responsabilidade dos revisores

 * Auxiliar o comitê editorial na tomada de decisões editoriais e através das comunicações editoriais com os autores, sem identificação, os revisores também podem auxiliar os autores na melhoria do trabalho.

* Tratar quaisquer manuscritos recebidos como documentos confidenciais. Informações privilegiadas ou ideias obtidas através de revisão por pares devem ser mantidas confidenciais e não usadas para qualquer vantagem pessoal. Não devem ser mostrados ou discutidos com outros, exceto quando autorizado pelo comitê editorial.

* Notificar o editor se não se sentir apto para revisar a pesquisa relatada em um manuscrito ou souber que sua revisão imediata será impossível.

 * Alertar o comitê editorial sobre qualquer semelhança substancial ou sobreposição entre o manuscrito em consideração e qualquer outro artigo publicado do qual tenha conhecimento pessoal.

 * Não aceitar manuscritos para revisar se houver conflitos de interesse resultantes de relacionamentos ou conexões competitivas, colaborativas ou outras com qualquer um dos autores, empresas, financiadores de pesquisa ou instituições ligadas ao trabalho.

 

Publicação - Questões Éticas

* O comitê editorial da IENCI segue as regras do COPE para retratar artigos (o procedimento completo pode ser encontrado aqui). O comitê considerará a retratação de uma publicação se:

  • há evidência clara de que os resultados não são confiáveis, seja como resultado de má conduta (por exemplo, fabricação de dados) ou erro honesto (por exemplo, erro de cálculo ou erro experimental);

  • os resultados foram previamente publicados em outro lugar sem referência cruzada adequada, permissão ou justificativa (ou seja, casos de publicação redundante);

  • houver plágio;

  • houver problemas éticos com a pesquisa.

 * O comitê editorial assume a responsabilidade de ter em vigor procedimentos e políticas para garantir a qualidade do material que publicam e manter a integridade dos registros publicados.