III Encontro Estadual de Ensino de Física – RS

 

2a circular

 

Período: 20 a 22 de agosto de 2009

Locais: Instituto de Física e ILEA - Campus do Vale – UFRGS – Porto Alegre, RS

Horário:  08h30min - 17h 30min 

 

 

Prezados(as) Colegas,

 

é com grande satisfaćčo que anunciamos o nome dos conferencistas convidados, que já confirmaram participaćčo nas sessões plenárias do III Encontro Estadual de Ensino de Física – RS.

 

 

Sessčo plenária I - dia 20 de agosto ąs 11h

 

Repensando o Ensino e Aprendizagem de Física no século XXI

 Nesta palestra apresentaremos algumas possibilidades reais de inserćčo  de novas tecnologias no ensino de uma Física mais conectada ą vida dos  nossos estudantes. Temos hoje novas formas de produćčo de conhecimento  e estamos diante de um grande desafio: como reestruturar a nossa  escola que insiste na lógica do conhecimento meramente transmitido restringindo a participaćčo dos estudantes a meros receptores diante  deste novo contexto? É preciso repensar uma nova Física em uma Nova  Escola e, sem dúvida, um novo estilo de pedagogia, baseado na  interaćčo, participaćčo e cooperaćčo. Essa e outras reflexões serčo objeto de discussčo nesta palestra em que vamos confrontar o que  ensinamos e como ensinamos com uma crescente necessidade de  contemporaneidade na relaćčo ensino-aprendizagem nčo apenas da Física,  mas de todas as áreas de conhecimento.

 

Profa. Dra. Marisa Almeida Cavalcante (PUC-SP)

Graduada em Física pela PUC-SP (1980), mestre em Física pela PUC-SP (1983), doutora em Física pela PUC-SP (1989) e pós-doutorado na USP (1990). Atualmente é professora titular da PUC-SP. Tem trabalhos em Física Nuclear Experimental e grande experiźncia em Instrumentaćčo para o Ensino de Física. É autora, juntamente com C. R. C. Tavolaro, do livro Física Moderna Experimental. Ministra regularmente oficinas para professores do Ensino Médio.

 

 

Sessčo plenária II - dia 21 de agosto ąs 11h

 

O lado escuro do universo

 As recentes descobertas da Astrofísica revelam que somente conhecemos a natureza de 4% do que constitui o Universo. Nesses 4% estčo incluídos os planetas, estrelas, nebulosas e galáxias, formados pelos átomos, e que chamamos de matéria bariônica. Os demais 96% sčo constituídos pela matéria escura (26%) e pela energia escura (70%). Será descrito o que sabemos até agora sobre a matéria e energia escuras e as observaćões que levaram ą conclusčo de que elas dominam a evolućčo do Universo, bem como as implicaćões para o passado e o futuro do Universo.

 

Profa. Dra. Thaisa Storchi Bergmann (UFRGS)

Bacharel em Física pela UFRGS (1977), mestre em Física pela PUC-RJ (1980) e doutora em Física pela UFRGS (1987). Fez pós-doutorado na Universidade de Maryland (1991) e no Instituto do Telescópio Espacial (1991, 1994), além de estágio sźnior no Rochester Institute of Technology (2005). Atualmente é professora associada do Departamento de Astronomia da UFRGS. Presta assessoria ao Laboratório Nacional de Astrofísica (em especial ao Projeto Gemini), sendo atualmente membro do Comitź Supervisor da AURA (Association of Universities for Research in Astronomy) para o Observatório Gemini.

 

 

Sessčo plenária III - dia 22 de agosto ąs 11h

 

O que esperar do LHC?

O Grande Colisor de Hádrons (Large Hadron Collider) está iniciando suas operaćões no CERN, atuando com energia de 14 TeV, nunca antes alcanćada em laboratório. Os físicos teóricos e experimentais de altas energias tźm grandes expectativas, especialmente com a possível descoberta do bóson de Higgs. Mas há muitas outras questões abertas: número de geraćões, existźncia de supersimetria, unificaćčo das interaćões, e o entendimento da matéria e energia escuras. Conseguirá o LHC trazer todas as respostas?

 

 

 

Profa. Dra. Maria Beatriz Gay Ducati (UFRGS)

Bacharel em Física pela UFRGS (1974), mestre em Física pela UFRGS (1978) e Docteur D'état En Sciences Physiques - Université Louis Pasteur (1985), realizou pós-doutorado na University of Wisconsin (1993). Atualmente é professora associada do Departamento de Física da UFRGS e pesquisadora I-B do CNPq. Tem experiźncia na área de Física teórica, com źnfase em  Fenomenologia de Partículas  de Altas Energias, consultora titular da RENAFAE (Rede Nacional de Física de Altas Energias), pesquisa e orienta principalmente nos seguintes temas: cromodinČmica quČntica de altas densidades, equaćões de evolućčo da QCD, física difrativa, produćčo de quarks pesados.

 

 

Sessčo plenária IV - dia 22 de agosto ąs 14h

 

Atividades experimentais no ensino de Física: uma nova visčo baseada na Teoria de Vigotski

Questiona-se a superestimaćčo cognitiva da atividade experimental em ciźncias que tem levado a uma realidade paradoxal: a desilusčo com o resultado dessas atividades tem sido tčo constante e crescente quanto a crenća em sua validade. Colocar a atividade experimental na sua real dimensčo cognitiva e conscientizar o professor do que é de fato possível obter-se dela é essencial para que ela possa efetivamente integrar o seu já restrito repertório de atividades didáticas. Para isso é proposta uma nova fundamentaćčo pedagógica, a teoria de Vigotski, que dá ą atividade experimental um papel menos ambicioso, mais realista e, por isso, viável.

 

Prof. Dr. Alberto Gaspar (UNESP)

Licenciado em Física pela USP (1966), mestre em Ensino de Ciźncias pela USP (1983), doutor em Educaćčo pela USP (1993) e livre-docente em Didática e Prática de Ensino pela UNESP (2007). Atualmente é professor adjunto da Unesp (Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho), campus de Guaratinguetá. Tem experiźncia na área de Ensino, atuando principalmente em Ensino de Física e Divulgaćčo Científica, tendo como fundamentaćčo pedagógica a teoria sócio-histórica de Vigotski. É autor de vários livros didáticos, sendo os mais reconhecidos a colećčo de  trźs volumes de Física (MecČnica; Ondas, Óptica e TermodinČmica; Eletromagnetismo e Física Moderna), da Editora Ática e Experiźncias de Ciźncias para o Ensino Fundamental. O volume único, Física, extraído da colećčo, foi recomendado pelo MEC para adoćčo nas escolas do ensino Médio.

 

 

Inscrićčo no evento (e outras informaćões)

 

Disponível em: http://www.if.ufrgs.br/mpef/3eeefis/III_EEEFis_RS/

 

Salientamos que a ordem de preenchimento das vagas no evento, bem como das vagas nos minicursos, a serem divulgados na próxima circular, será realizada a partir da ordem de inscrićčo definida pelo preenchimento do formulário no enderećo acima e pelo pagamento da taxa de inscrićčo do evento. Apenas o preenchimento do formulário nčo garantirá a inscrićčo.

 

Relembramos as datas importantes:

 

até 21/06/2009: submissčo de propostas para minicursos, apresentaćões orais (versčo completa com até 12 páginas incluindo referźncias) e pôsteres (resumo de uma página).

30/06/2009: divulgaćčo da programaćčo do evento, incluindo os minicursos a serem ofertados e as sessões plenárias.

21/07/2009: divulgaćčo dos trabalhos aceitos para apresentaćčo oral e  de pôster.

03/08/2009: divulgaćčo da programaćčo definitiva do evento.

20/08/2009 - 22/08/2009: Realizaćčo do III EEEFIS-RS.

 

HORARIO

DIA 20 (quinta-feira)

DIA 21 (sexta-feira)

DIA 22 (sábado)

08:30-09:00

Entrega do material

 

 

 

09:00-10:30

Minicursos

Minicursos

Minicursos

10:30-11:00

Intervalo

Intervalo

Intervalo

11:00-12:30

Sessčo plenária I      Profa. Dra. Marisa Cavalcante

Sessčo plenária II     Profa. Dra. Thaisa Bergmann

Sessčo plenária III     Profa. Dra. Maria Beatriz Ducati

14:00-15:30

Apresentaćões orais

Apresentaćões orais

 

Sessčo plenária IV     Prof. Dr. Alberto Gaspar

15:30-16:00

Intervalo

Intervalo

 

16:00-17:30 ou

18:30

Minicursos

Minicursos

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Na expectativa de contar com a sua participação, com ou sem apresentação de trabalhos, subscrevemo-nos atenciosamente,

 

Porto Alegre, 13 de maio de 2009

 

 

Prof. Dr. Marco Antonio Moreira

Profa. Dra. Eliane Angela Veit

Profa. Dra. Sayonara S. Cabral da Costa

Prof. Dr. Ives Solano Araujo

Comissão organizadora do III EEEFis - RS